MotoGP
R
GP do Catar
25 mar
Próximo evento em
63 dias
R
GP da Argentina
08 abr
Próximo evento em
77 dias
R
GP das Américas
15 abr
Próximo evento em
84 dias
R
GP da Espanha
29 abr
Próximo evento em
98 dias
R
GP da França
13 mai
Próximo evento em
112 dias
R
GP da Itália
27 mai
Próximo evento em
126 dias
R
GP da Catalunha
03 jun
Próximo evento em
133 dias
R
GP da Alemanha
17 jun
Próximo evento em
147 dias
R
GP da Holanda
24 jun
Próximo evento em
154 dias
R
GP da Finlândia
08 jul
Próximo evento em
168 dias
R
GP da Áustria
12 ago
Próximo evento em
203 dias
R
GP da Grã-Bretanha
26 ago
Próximo evento em
217 dias
R
GP de Aragón
09 set
Próximo evento em
231 dias
R
GP de San Marino
16 set
Próximo evento em
238 dias
R
GP do Japão
30 set
Próximo evento em
252 dias
R
GP da Tailândia
07 out
Próximo evento em
259 dias
R
GP da Austrália
21 out
Próximo evento em
273 dias
R
GP da Malásia
28 out
Próximo evento em
280 dias
R
GP de Valência
11 nov
Próximo evento em
294 dias

De 20º para 2º, Smith celebra decisão "estúpida" em Misano

compartilhar
comentários
De 20º para 2º, Smith celebra decisão "estúpida" em Misano
Por:
Traduzido por: Gabriel Carvalho

Único que não trocou de moto durante GP de San Marino, piloto da Tech3 teve dúvida sobre acerto na estratégia quando chuva se intensificou, mas segui na pista e obteve melhor resultado da carreira na MotoGP

Terceiro lugar Bradley Smith
Bradley Smith, Monster Yamaha Tech 3
Bradley Smith, Monster Tech 3 Yamaha
Bradley Smith, Tech 3 Yamaha
Bradley Smith, Tech 3 Yamaha
Bradley Smith, Monster Yamaha Tech 3
Bradley Smith, Tech 3 Yamaha

Quando a chuva aumentou no GP de San Marino, parecia óbvio que a troca de moto era a decisão mais acertada. Não para Bradley Smith. Enquanto o resto do grid optou pela mudança, o britânico seguiu na pista. Apesar de sofrer no início, a estratégia rendeu dividendos e Smith terminou a prova em segundo - melhor resultado dele na MotoGP.

O piloto da Tech3, no entanto, questionou-se quanto à eficácia da estratégia, especialmente no momento que a pista estava bastante molhada. "Foi uma decisão estúpida. Disseram-me que iria chover e parar durante a prova. Então a chuva veio e, como ainda restavam 20 voltas para o final, concluí que quem estivesse com pneus de chuva iria se dar mal no fim", disse.

“Eu fiquei fazendo alguns cálculos enquanto pilotava. 'Será que eles vão parar duas vezes?' - e fiquei na pista por mais tempo do que deveria. Então mantive na minha cabeça a ideia de que 'a sorte premia os corajosos' e segui na pista. Honestamente, eu jamais esperaria ver a mensagem do pit de que eu estava em segundo", afirmou, relatando em seguida o momento em que ele se questionou se o que estava fazendo era o ideal.

“Quando eu fiz uma volta em 2m18s (a pole, em pista seca, foi em 1m32s), pensei: 'O que eu estou fazendo? Onde você está com a cabeça, Bradley Smith?' Eu tive uma intuição e me apeguei a ela. Vi o trilho seco se formando e comecei a me sentir mais confortável com a moto. Ver 'P20' na placa dos boxes em um momento e no fim 'P2' é uma surpresa e tanto. Corridas como esta proporcionam oportunidades para pilotos de equipe satélite se darem bem. Consegui aproveitar a minha chance", completou.

Sábio, Marquez vence em Misano; Rossi é 5º e Lorenzo abandona

Artigo anterior

Sábio, Marquez vence em Misano; Rossi é 5º e Lorenzo abandona

Próximo artigo

Marquez exalta "estratégia correta" em vitória

Marquez exalta "estratégia correta" em vitória
Carregar comentários

Sobre esta matéria

Categoria MotoGP
Evento GP de San Marino
Localização Misano
Pilotos Bradley Smith
Equipes Tech 3
Autor Charles Bradley