MotoGP: "Dores intensas" forçam Pol Espargaró a abandonar GP da Holanda

Com isso, equipe oficial da Honda contará apenas com Stefan Bradl, que substitui Marc Márquez

MotoGP: "Dores intensas" forçam Pol Espargaró a abandonar GP da Holanda
Carregar reprodutor de áudio

No começo deste sábado, a Honda anunciou a retirada de Pol Espargaró do restante do fim de semana do GP da Holanda de MotoGP, devido a "intensas dores" sofridas pelo espanhol devido a uma lesão na costela, após uma forte queda no TL1 da semana passada, no Sachsenring.

Ele esperava uma situação melhor neste fim de semana, no GP da Holanda, mas após terminar apenas em 19º, ele disse que a dor que sentia era muito pior que o esperado, sem ter certeza se teria como continuar.

Leia também:

Tendo passado por um tratamento durante a noite em Assen, mas sem uma melhora significativa em suas condições, o piloto tomou a decisão de se retirar do fim de semana. A Honda espera que ele se recupere a tempo do GP da Grã-Bretanha, que será realizado daqui a seis semanas.

"A Honda anuncia que Pol Espargaró não participará do resto do GP da Holanda devido às lesões sofridas no Sachsenring. Desde sua queda no TL1 do GP da Alemanha, Pol vem tentando o seu melhor para se recuperar e ficar pronto para a 11ª etapa da MotoGP".

"Mas após o TL2 da sexta, Espargaró ainda sentia dores intensas e desconforto. Com isso, ele sente que não é capaz de correr em uma moto da MotoGP e, junto com a equipe Honda, optou por ficar de fora da corrida em Assen".

"Stefan Bradl continuará a competir no GP da Holanda com a Equipe Repsol Honda".

Pol Espargaro, Repsol Honda Team

Pol Espargaro, Repsol Honda Team

Photo by: Gold and Goose / Motorsport Images

Na sexta, Espargaró explicou que os danos aos músculos ao redor de suas costelas também lhe causavam fortes dores nas costas. Ele revelou ainda que na segunda após o GP da Alemanha ele sofreu até para sair da cama, devido à intensidade das dores.

Espargaró deve sair da Honda no fim de 2022, voltando à KTM com a equipe Tech3. Sua vaga deve ficar com o campeão de 2020, Joan Mir.

Assine o canal do Motorsport.com no YouTube

Os melhores vídeos sobre esporte a motor estão no canal do Motorsport.com. Inscreva-se já, dê o like ('joinha') nos vídeos e ative as notificações para ficar por dentro de tudo o que rola em duas ou quatro rodas.

Podcast #183 - O que Alonso poderia fazer hoje em carro de ponta da F1?

 

ACOMPANHE NOSSO PODCAST GRATUITAMENTE:

compartilhar
comentários
MotoGP: Paraplégico há quase 30 anos, Wayne Rainey guia moto do título de 1992 em momento emocionante de Goodwood; veja vídeo
Artigo anterior

MotoGP: Paraplégico há quase 30 anos, Wayne Rainey guia moto do título de 1992 em momento emocionante de Goodwood; veja vídeo

Próximo artigo

MotoGP: Bagnaia vence movimentado GP da Holanda; Quartararo sofre duas quedas e abandona

MotoGP: Bagnaia vence movimentado GP da Holanda; Quartararo sofre duas quedas e abandona