Fórmula 1 GP do Japão

F1: Alonso cita ambição da Aston Martin em meio a rumores de Newey na equipe

Fernando Alonso diz que nenhuma equipe da F1 tem tanta ambição quanto a Aston Martin; paralelo à fala, há rumores que equipe quer contratar Adrian Newey

Fernando Alonso, Aston Martin AMR24

Foto de: Andy Hone / Motorsport Images

Para Fernando Alonso, a Aston Martin é a equipe mais ambiciosa da Fórmula 1 neste momento. Para reforçar sua afirmação, Alonso destacou os investimentos da equipe e evolução do carro nos últimos anos. Ainda assim, o espanhol reconhece que ambição sem resultado não quer dizer muita coisa.

Leia também:

"Não há outra equipe no paddock com a ambição e os planos para o futuro que a Aston tem. Mas, ao mesmo tempo, é preciso atingir essas metas e entregar esses resultados", disse Alonso.

Na última quinta-feira (11), o bicampeão anunciou a renovação do seu contrato com a equipe até 2026. A sua declaração sobre a ambição da Aston Martin vem em um momento curioso. Recentemente, como apurou o Motorsport-Total, foi levantado que a equipe teria feito uma proposta para tirar Adrian Newey da Red Bull.

Porém, a fala de Alonso destaca os investimentos da equipe nos últimos anos, que inclui a ampliação do quadro de funcionários da fábrica, assim como a mudança de espaço.

"Esta equipe era muito nova há dois anos. Ela dobrou mais ou menos o número de pessoas que trabalhavam na fábrica. Eles estavam em um antigo prédio da Jordan, agora estão em uma fábrica super moderna", comentou o espanhol.

Fernando Alonso renovou com Aston Martin até o fim de 2026

Fernando Alonso renovou com Aston Martin até o fim de 2026

Foto de: Zak Mauger / Motorsport Images

"No ano passado, tínhamos um carro muito rápido e tivemos que aprender muitas lições fora da pista sobre como desenvolver o carro para se equiparar às equipes de topo da tabela. Este ano, estamos fazendo esse tipo de desenvolvimento. Portanto, acho que todos esses são sinais muito bons", disse Alonso.

"Mas, em última análise, você precisa vencer corridas e campeonatos, e esse é o passo mais difícil", destaca o piloto.

Embora os resultados no início desta temporada não sejam tão bons quanto no ano passado, Alonso se sente bem na Aston Martin.

"Estou muito feliz", disse ele. "Acho que estava feliz no ano passado e ainda estou feliz agora. E me sinto bem com a equipe. Eu adoraria estar em uma posição mais forte. No ano passado, estávamos lutando por coisas maiores no início do ano, e estávamos mais ou menos nesta posição no final do ano passado, a quinta equipe mais rápida."

"Este ano, parece que temos um roteiro para desenvolver o carro que é um pouco mais agressivo e mais alinhado com uma equipe de ponta que quer lutar por coisas grandes. E estou feliz em ver isso", conclui Fernando Alonso.

ALONSO fica na ASTON até 26 e com motor HONDA: Ele AGUENTA até os 45 ou devia ter esperado Mercedes?

Faça parte do Clube de Membros do Motorsport.com no YouTube

Podcast #277 – Leclerc não se ajuda ou é azarado?

 

ACOMPANHE NOSSO PODCAST GRATUITAMENTE:

Faça parte do nosso canal no WhatsApp: clique aqui e se junte a nós no aplicativo!

Faça parte da comunidade Motorsport

Join the conversation
Artigo anterior Bortoleto 'abre o jogo' sobre rivalidade com Kimi Antonelli na F2 e descreve relação com Alonso
Próximo artigo Horner diz que anos de F1 o ensinaram a não ouvir Wolff

Principais comentários

Ainda não há comentários. Seja o primeiro a comentar.

Cadastre-se gratuitamente

  • Tenha acesso rápido aos seus artigos favoritos

  • Gerencie alertas sobre as últimas notícias e pilotos favoritos

  • Faça sua voz ser ouvida com comentários em nossos artigos.

Motorsport prime

Descubra conteúdo premium
Assinar

Edição

Brasil