Bottas: "Trabalhamos no aquecimento dos pneus e valeu a pena"

Finlandês disse que manter a temperatura certa dos compostos foi seu ponto fraco nas duas primeiras corridas e que precisava superá-lo na classificação do GP de Portugal

Bottas: "Trabalhamos no aquecimento dos pneus e valeu a pena"

O erro de Valtteri Bottas em não aquecer seus pneus o suficiente no Q3 da classificação para o GP da Emilia-Romagna o fez cair para oitavo no grid e a luta para manter a temperatura dos compostos na corrida lhe tirou qualquer chance de disputar a vitória na época. Já neste sábado (01), na qualificação para o GP de Portugal de Fórmula 1, a história foi diferente.

O aquecimento dos pneus tem sido tema central no fim de semana de Portimão, com os pilotos tendo dificuldades na superfície lisa e de baixa aderência do circuito, mas Bottas foi capaz de superar as condições adversas e cravou sua 17ª pole position da carreira, à frente de seu companheiro de equipe Lewis Hamilton e Max Verstappen, da Red Bull.

Leia também:

Os dois pilotos da Mercedes ainda tiveram problemas com a temperatura dos compostos mais tarde, já que não conseguiram retomar o ritmo do Q2 com os pneus médios para suas últimas voltas no Q3. Segundo Bottas, foi "provavelmente devido vento [aumentando] no fim da sessão e não consegui reaquecê-los corretamente."

"É uma sensação boa estar na pole", disse o finlandês. “Parece que já faz um tempo. Foi bom conseguir essa qualificação - tem sido o ponto fraco para mim nas duas primeiras corridas, fazer os pneus funcionarem. Temos trabalhado muito neste fim de semana e é bom ver que está valendo a pena. Me coloca numa boa posição para amanhã."

Valtteri Bottas, Mercedes

Valtteri Bottas, Mercedes

Photo by: Steve Etherington / Motorsport Images

Na conferência de imprensa pós-classificação, Bottas disse que o resultado "colocou um sorriso" em seu rosto e acrescentou: "Nas duas primeiras corridas da temporada, a posição de largada não foi o ponto forte. Tirar tudo dos pneus e fazer com que funcionem bem tem sido uma fraqueza, mas agora parece que as coisas começaram a ir na direção certa."

"Tenho me sentido forte durante todo o fim de semana e sabia que era possível. Definitivamente, estar na pole me deixa muito feliz. Pensando na equipe, com a pressão e a batalha contra a Red Bull, é bom estar à frente."

Questionado sobre o que estava por trás de sua evolução no aquecimento dos pneus, o piloto respondeu: "Analisando as voltas, olhando essas coisas - é muito sobre o composto, confiar em seu próprio trabalho e direção de configuração."

F1 2021: BOTTAS nega POLE 100 de Hamilton em Portugal em treino surpreendente

Assine o canal do Motorsport.com no Youtube

Os melhores vídeos sobre esporte a motor estão no canal do Motorsport.com. Inscreva-se já, dê o like (joinha) nos vídeos e ative as notificações, para sempre ficar por dentro de tudo o que rola em duas ou quatro rodas.

PODCAST: Tudo sobre o GP de Portugal e as mudanças no calendário com Rico Penteado

 

compartilhar
comentários
O que estava errado na Williams de Ayrton Senna em 1994?

Artigo anterior

O que estava errado na Williams de Ayrton Senna em 1994?

Próximo artigo

F1: Três equipes são contra penalidades esportivas por violação do teto orçamentário

F1: Três equipes são contra penalidades esportivas por violação do teto orçamentário
Carregar comentários