Fórmula 1 GP do Japão

F1 - Horner: Evitar a penalidade no Catar foi o único ponto positivo de Pérez no Japão

Fim de semana do mexicano terminou com um DNF

Sergio Perez, Red Bull Racing, participando da coletiva de imprensa da FIA
O chefe da Red Bull, Christian Horner, analisou o fim de semana de Sergio Pérez no GP do Japão de Fórmula 1 e chegou à conclusão que evitar uma penalidade de posição no grid para a corrida no Catar foi o único aspecto positivo do mexicano neste fim de semana.
Leia também:
 
Pérez teve um contratempo logo no início da corrida, depois de se envolver em uma colisão na curva 1 com Lewis Hamilton o que exigiu uma parada nos boxes por parte do mexicano para colocar uma nova asa dianteira. Depois de receber uma penalidade de cinco segundos por ultrapassar Fernando Alonso antes da parada do safety car, Pérez danificou outra asa dianteira - e recebeu outra penalidade - por bater em Kevin Magnussen, da Haas, na curva 11.
 
Embora seu carro estivesse danificado demais para continuar no ritmo, Pérez acabou voltando do box para cumprir sua segunda penalidade de cinco segundos, após abandonar, evitando assim que ela fosse convertida em punição no grid para a próxima corrida no Catar.


Horner disse que evitar uma 'ressaca' de penalidades foi o único ponto positivo do desastroso fim de semana do mexicano em Suzuka, acrescentando que o piloto não teve sorte de ser pego na confusão da Curva 1.

"O começo foi ruim. Ele foi meio que atingido por uma bola de cristal na descida para a Curva 1, isso foi um azar", respondeu Horner quando perguntado pelo Motorsport.com para explicar como a corrida de Pérez saiu do controle. "Ele teve danos com Lewis [Hamilton] e quebrou a asa dianteira. Em seguida, passou Fernando na entrada sob o safety car e recebeu outra penalidade. Ele saiu um pouco otimista demais, provavelmente por frustração ao tentar passar Magnussen... outra asa dianteira e danos na direção."

"Portanto, a única coisa decente que conseguimos tirar foi não levar uma penalidade para a próxima corrida no Catar."

Sergio Perez, Red Bull Racing RB19, in the pits

Sergio Perez, Red Bull Racing RB19, nos boxes

Foto de: Mark Sutton / Motorsport Images

Pérez explicou que sua primeira batida com Hamilton causou mais danos ao seu RB19 além da asa dianteira quebrada. Ele acredita que esse dano adicional, ainda não diagnosticado, foi o que causou sua segunda batida com Magnussen, embora ele ainda tenha assumido a responsabilidade por bater na Haas do dinamarquês.

"Tive uma largada horrível e, basicamente, ao entrar na Curva 1, eu era apenas um passageiro", disse ele. "Eu tinha Sainz à minha direita e Lewis à esquerda, e eles simplesmente arrancaram toda a chapa da asa dianteira."

"Trocamos a asa dianteira e eu continuava sem a parte dianteira, então acho que havia muito mais coisas danificadas no carro. Eu estava tendo muita dificuldade para frear com a parte dianteira. Eu simplesmente não conseguia parar a tempo e o erro foi meu, obviamente."

Faça parte do Clube de Membros do Motorsport.com no YouTube

Quer fazer parte de um seleto grupo de amantes de corridas, associado ao maior grupo de comunicação de esporte a motor do mundo? CLIQUE AQUI e confira o Clube de Membros do Motorsport.com no YouTube. Nele, você terá acesso a materiais inéditos e exclusivos, lives especiais, além de preferência de leitura de comentários durante nossos programas. Não perca, assine já!

Podcast #248 – Ferrari ‘passa pano’ para Leclerc e subestima Sainz?

 

ACOMPANHE NOSSO PODCAST GRATUITAMENTE:

Faça parte da comunidade Motorsport

Join the conversation
Artigo anterior F1 - Alonso explica críticas à Aston Martin pelo rádio no GP do Japão e se defende: "Tirado de contexto"
Próximo artigo F1: Veja o que Verstappen precisa para garantir tricampeonato no GP do Catar

Principais comentários

Ainda não há comentários. Seja o primeiro a comentar.

Cadastre-se gratuitamente

  • Tenha acesso rápido aos seus artigos favoritos

  • Gerencie alertas sobre as últimas notícias e pilotos favoritos

  • Faça sua voz ser ouvida com comentários em nossos artigos.

Motorsport prime

Descubra conteúdo premium
Assinar

Edição

Brasil