F1: Ricciardo revela que conversa com Alonso o motivou a período sabático

Australiano se disse “energizado novamente”, além de comentar atual momento da McLaren

Daniel Ricciardo, AlphaTauri

Daniel Ricciardo revelou que uma conversa durante o voo com Fernando Alonso inspirou sua licença sabática na Fórmula 1, da qual ele voltou se sentindo "reiniciado" e "energizado novamente".

Depois de dois anos de baixo desempenho ao lado de Lando Norris, a McLaren pagou Ricciardo para sair um ano antes de seu contrato expirar para dar lugar ao campeão da Fórmula 2, Oscar Piastri.

Leia também:

Ricciardo optou por tirar um tempo fora dos holofotes, mudando-se para a Red Bull como terceiro piloto em um contrato de 12 meses, e planejou esperar por uma vaga em 2024 em vez de aceitar um carro menos competitivo.

Mas com AlphaTauri demitindo Nyck de Vries após apenas 10 corridas, Ricciardo voltou à ação no GP da Hungria.

Ele superou uma batida na primeira curva de Zhou Guanyu, e danos subsequentes no difusor, para recuperar o 13º lugar.

Ricciardo sentiu-se revigorado em seu retorno, mas já esperava isso, tendo sido tranquilizado sobre os benefícios do tempo fora durante uma conversa no meio de um voo com Alonso – que deixou a McLaren no final de 2018, venceu as 24 Horas de Le Mans duas vezes e depois voltou à F1 em 2021 com a Alpine.

Ricciardo explicou: “Mesmo que não tenha sido o ano que eu esperava, eu certamente apenas me reiniciei e me sinto energizado novamente.

“Na verdade, lembro-me de ter conversado com o Fernando há uns dois anos. Não estava pensando em fazer uma pausa.

"Mas estávamos apenas conversando, acho que em um voo para algum lugar, e ele disse que a pausa para ele foi uma das melhores coisas que ele já fez.

"Isso meio que me fez pensar que talvez se eu sentir que preciso disso, não ter muito medo. Então eu acho que, vendo o ano que ele teve, isso também me encheu de confiança."

Ricciardo deu "um dos maiores sorrisos", tendo se surpreendido com sua condição física após a corrida de 70 voltas após oito meses parado.

Daniel Ricciardo, AlphaTauri AT04

Daniel Ricciardo, AlphaTauri AT04

Photo by: Red Bull Content Pool

Ricciardo também refletiu sobre a recuperação da McLaren, que reforçou sua forte exibição em Silverstone, com Norris terminando em segundo em Budapeste, atrás de Max Verstappen.

Ricciardo considerou que esse desempenho mostrou que o MCL60 agora "fala a língua de Lando" depois de dois anos tentando acabar com o "impasse" que acabou custando seu assento.

“Senti obviamente, por qualquer motivo, que a McLaren normalmente não falava minha língua”, disse Ricciardo.

“Certamente fala a língua de Lando. Ele certamente sabe como tirar o máximo proveito disso.

“Eu me senti obviamente, especialmente no ano passado, meio que em um impasse. Foi muito difícil sair disso.

"Então é por isso que o tempo de folga e depois uma nova equipe e ambiente, provavelmente foi a melhor coisa para mim."

Quer fazer parte de um seleto grupo de amantes de corridas, associado ao maior grupo de comunicação de esporte a motor do mundo? CLIQUE AQUI e confira o Clube de Membros do Motorsport.com no YouTube. Nele, você terá acesso a materiais inéditos e exclusivos, lives especiais, além de preferência de leitura de comentários durante nossos programas. Não perca, assine já!

Podcast #239 – O que esperar de Ricciardo em retorno à F1?

 

ACOMPANHE NOSSO PODCAST GRATUITAMENTE:

Faça parte da comunidade Motorsport

Join the conversation
Artigo anterior F1: Alfa Romeo revela pintura 'neon' para o GP da Bélgica
Próximo artigo ANÁLISE F1 - Ferrari: Problema técnico ou humano?

Principais comentários

Ainda não há comentários. Seja o primeiro a comentar.

Cadastre-se gratuitamente

  • Tenha acesso rápido aos seus artigos favoritos

  • Gerencie alertas sobre as últimas notícias e pilotos favoritos

  • Faça sua voz ser ouvida com comentários em nossos artigos.

Motorsport prime

Descubra conteúdo premium
Assinar

Edição

Brasil