F1: Mercedes não vai flertar com outros pilotos em meio a indefinição sobre Hamilton

Chefe de equipe das Flechas de Prata falou sobre a movimentação do mercado

F1: Mercedes não vai flertar com outros pilotos em meio a indefinição sobre Hamilton

A Mercedes não tem intenção de "flertar" com outros pilotos sobre possíveis contratações para o futuro até que saiba o que está acontecendo com sua atual formação na Fórmula 1, composta pelo britânico Lewis Hamilton e pelo finlandês Valtteri Bottas.

Com Hamilton e Bottas assinando apenas extensões de contrato de um ano com a equipe, a montadora alemã pode ficar exposta para 2022 se qualquer um deles seguir em frente, de modo que as Flechas de Prata têm de pensar no futuro.

O editor recomenda:

Mas, embora o holandês Max Verstappen, da Red Bull, tenha emergido como um alvo óbvio para a Mercedes se Hamilton não continuar na F1 além deste ano, a equipe minimizou qualquer conversa sobre isso procurando opções antecipadas.

Falando no lançamento do novo Mercedes W12, o chefe da equipe, Toto Wolff, disse que o foco está muito em continuar com Hamilton - e é por isso que ele não estaria olhando para ninguém por enquanto.

“A simbiose que temos na relação é sempre que temos um entendimento mútuo do que queremos fazer no futuro”, afirmou. "E esse também será o caso nas discussões com Lewis daqui para frente."

"Max é certamente um jovem piloto excepcional que estará no radar de todos no futuro, mas não estamos flertando lá fora antes de termos um entendimento claro com nossos dois pilotos."

Wolff deixou claro, no entanto, que a Mercedes e Hamilton não repetiriam o que aconteceu no ano passado, quando as negociações do novo contrato se arrastaram até a atual intertemporada.

"Concordamos que queremos retomar as discussões mais no início deste ano, para evitar uma situação como a que tivemos em 2020, em que ficamos sem tempo e estávamos na posição desconfortável antes do início do próxima temporada."

“É também por isso que fizemos um contrato de um ano: para nos permitir discutir o futuro nas corridas e fora delas por mais tempo. E com o tempo certo. O que decidimos é discutir as coisas mais no início deste ano, não no final da temporada."

Wolff disse que a equipe está confortável e não tem dúvidas de que, se Hamilton continuar, será com a Mercedes. "Acho que se Lewis continuar a competir, vamos querer fazer isso juntos. E vamos discutir isso em breve", afirmou. "E com o Valtteri, sabemos exatamente o que temos e agradecemos isso. Ao mesmo tempo, o cenário muda com novos carros, novos regulamentos e temos que tomar a decisão certa para a equipe daqui para frente."

"Mas isso também significa que teremos as discussões com nossos dois pilotos primeiro, e então nós vamos ver para onde isso vai", seguiu Wolff. Apesar de Hamilton deixar claro que não está interessado em se comprometer com um acordo de longo prazo, o dirigente austríaco disse que não tem dúvidas de que o heptacampeão mundial ainda continua apaixonado pela F1.

"Não, sem dúvida. Em primeiro lugar, ele gosta muito de correr. Gostamos de trabalhar uns com os outros. E discutimos muito isso. Mas ele está absolutamente certo. Os tempos mudam. Há novas prioridades para todos nós em termos de como vivemos nossa saúde. Ele é muito apaixonado por suas iniciativas, contra o racismo e pela desigualdade. E então teremos essa grande mudança regulatória em 2022, que vai remodelar o que a F1 será nos próximos anos."

“Mas eu não acho que isso desempenhe um papel, para ser honesto. Só que acho que é justo, para um piloto que ganhou sete campeonatos, dar a si mesmo a flexibilidade em sua mente para decidir o que ele quer fazer no futuro".

ALPINE 2021: Conheça o carro AZUL que marca a volta de ALONSO à F1 e as novidades da antiga RENAULT

Parceria com ThePlayer.com, a melhor opção para apostas e diversão no Brasil

Registre-se gratuitamente no ThePlayer.com e acompanhe tudo sobre Fórmula 1 e outros esportes! Você confere o melhor conteúdo sobre o mundo das apostas e fica por dentro das dicas que vão te render muita diversão e também promoções exclusivas. Venha com a gente!

PODCAST: Como seria a transmissão dos sonhos da F1 no Brasil?

 

SIGA NOSSO PODCAST GRATUITAMENTE:

compartilhar
comentários
F1: Bottas buscará ser "mais egoísta" para lutar pelo título em 2021

Artigo anterior

F1: Bottas buscará ser "mais egoísta" para lutar pelo título em 2021

Próximo artigo

Veja como foi lançamento do carro da Aston Martin, que marca a volta da montadora à F1 após 60 anos

Veja como foi lançamento do carro da Aston Martin, que marca a volta da montadora à F1 após 60 anos
Carregar comentários