MotoGP
21 ago
Evento encerrado
R
GP da Grã-Bretanha
27 ago
Canceled
15 out
Evento encerrado
16 out
Evento encerrado
R
GP da Austrália
23 out
Canceled
R
GP de Teruel
23 out
Próximo evento em
2 dias
R
GP da Malásia
29 out
Canceled
R
GP da Europa
06 nov
Próximo evento em
16 dias
R
GP de Valência
13 nov
Próximo evento em
23 dias
R
GP de Portugal
20 nov
Próximo evento em
30 dias

MotoGP: Veredito de Iannone em caso de doping sairá em novembro

compartilhar
comentários
MotoGP: Veredito de Iannone em caso de doping sairá em novembro
Por:

Piloto espera ser absolvido de suspensão de 18 meses, enquanto WADA quer pena máxima de quatro anos para o italiano

O Tribunal Arbitral do Esporte (TAE) confirmou que a audiência para o anúncio do veredito no caso do piloto da Aprilia na MotoGP, Andrea Iannone, será realizada no meio de novembro.

O italiano foi considerado culpado pela ingestão de um esteroide anabolizante proibido durante o GP da Malásia de 2019, resultado em uma suspensão de duração indefinida pela Federação Internacional de Motociclismo (FIM) antes de receber uma pena de 18 meses após um julgamento realizado em abril.

Leia também:

O piloto, vencedor do GP da Áustria de 2016 com a Ducati, teve sua defesa focada na hipótese de ingestão acidental através de comida contaminada. A versão foi aceita pela FIM, mas isso não o livrou da pena.

Iannone e a Aprilia defendem que a suspensão deveria ser retirada já que casos similares de atletas profissionais que ingeriram substâncias proibidas através de comida tiveram o mesmo resultado.

A audiêcia no TAE foi realizada na quinta, com a presença de Iannone e de representantes da Agência Mundial Antidoping (WADA), que pleiteia uma extensão da suspensão para a pena máxima de quatro anos.

Após um período de deliberação, um veredito final deve ser entregue pela corte do TAE no meio de novembro, praticamente encerrando as possibilidades do piloto participar da temporada 2020.

O comunicado diz: "A audiência no Tribunal Arbitral do Esporte (TAE) do recurso submetido pelo piloto italiano da MotoGP Andrea Iannone e a Agência Mundial Antidoping (WADA) foi realizada em 15 de outubro de 2020".

"O painel de árbitros agora farão a deliberação e finalizarão o documento contendo sua decisão. Espera-se o envio da notificação no meio de novembro de 2020. O documento final será divulgado no site do TAE".

"Os procedimentos lidam com a decisão tomada pela Corte Disciplinar Internacional da Federação Internacional de Motociclismo (FIM) de 31 de março de 2020 (a Decisão Contestada) onde Andrea Iannone foi considerado culpado por violação das normas de antidoping, recebendo como pena um período de inegibilidade de 18 meses".

"Andrea Iannone busca a anulação da decisão, enquanto a WADA pede que a decisão seja trocada por uma nova, impondo um período de quatro anos de inegibilidade para o piloto".

A Aprilia tem ficado ao lado de Iannone durante esse processo e repetidamente destacou o desejo de manter o italiano em 2021 como companheiro de Aleix Espargaró. 

Cal Crutchlow, que sairá da LCR Honda no final do ano, além de Andrea Dovizioso, da Ducati, tiveram seus nomes ligados à vaga, com rumores de que o primeiro possui um pré-acordo com a marca.

Enquanto isso, Dovizioso parece próximo de assumir uma vaga como piloto de testes após sua saída da Ducati. Na quinta, ele confirmou que iniciou negociações com diversas montadoras. Já Bradley Smith seguirá correndo na vaga de Iannone até a divulgação do veredito.

Relembre a trajetória de Iannone na MotoGP:

Galeria
Lista

2013 - Pramac Ducati - 12º

2013 - Pramac Ducati - 12º
1/14

Foto de: Hazrin Yeob Men Shah

2013 - Melhor resultado: 8º na Austrália

2013 - Melhor resultado: 8º na Austrália
2/14

Foto de: Pramac Racing

2014 - Pramac Ducati - 10º

2014 - Pramac Ducati - 10º
3/14

Foto de: Bridgestone Corporation

2014 - Melhor Resultado: 5º em San Marino, Alemanha e República Tcheca

2014 - Melhor Resultado: 5º em San Marino, Alemanha e República Tcheca
4/14

Foto de: Red Bull GmbH and GEPA pictures GmbH

2015 - Ducati - 5º

2015 - Ducati - 5º
5/14

Foto de: Ducati Corse

2015 - Melhor resultado: 2º na Itália

2015 - Melhor resultado: 2º na Itália
6/14

Foto de: Repsol Media

2016 - Ducati - 9º

2016 - Ducati - 9º
7/14

Foto de: Gold and Goose / Motorsport Images

2016 - Melhor resultado: vitória na Áustria

2016 - Melhor resultado: vitória na Áustria
8/14

Foto de: Ducati Corse

2017 - Suzuki - 13º

2017 - Suzuki - 13º
9/14

Foto de: Gold and Goose / Motorsport Images

2017 - Melhor resultado: 4º no Japão

2017 - Melhor resultado: 4º no Japão
10/14

Foto de: Gold and Goose / Motorsport Images

2018 - Suzuki - 10º

2018 - Suzuki - 10º
11/14

Foto de: Gold and Goose / Motorsport Images

2018 - Melhor resultado: 3º em Austin, Jerez e Aragón

2018 - Melhor resultado: 3º em Austin, Jerez e Aragón
12/14

Foto de: Gold and Goose / Motorsport Images

2019 - Aprilia - 16º

2019 - Aprilia - 16º
13/14

Foto de: Gold and Goose / Motorsport Images

2019 - Melhor resultado: 6º na Austrália

2019 - Melhor resultado: 6º na Austrália
14/14

Foto de: Gold and Goose / Motorsport Images

Nova parceria com ThePlayer.com, a melhor opção para apostas e diversão no Brasil

Registre-se gratuitamente no ThePlayer.com e acompanhe tudo sobre MotoGP e outros esportes! Você confere o melhor conteúdo sobre o mundo das apostas e fica por dentro das dicas que vão te render muita diversão e também promoções exclusivas. Venha com a gente!

VÍDEO: As 5 maiores tretas entre campeões da F1

PODCAST: Recordes de Hamilton e Schumacher são comparáveis?

 

MotoGP: Yamaha não deve ter substituto para Rossi no GP de Teruel após Covid-19

Artigo anterior

MotoGP: Yamaha não deve ter substituto para Rossi no GP de Teruel após Covid-19

Próximo artigo

MotoGP: Quartararo supera dores de queda no TL3 para fazer a pole do GP de Aragón

MotoGP: Quartararo supera dores de queda no TL3 para fazer a pole do GP de Aragón
Carregar comentários

Sobre esta matéria

Categoria MotoGP
Pilotos Andrea Iannone
Equipes Aprilia Racing Team Gresini
Autor Lewis Duncan