Button: F1 deve esquecer “caso Vettel” e seguir em frente

Campeão de 2009 destaca que alemão já foi punido pela polêmica em Baku e acredita que uma nova penalização seria excessivamente rigorosa

Button: F1 deve esquecer “caso Vettel” e seguir em frente

Campeão mundial de F1 em 2009, Jenson Button pediu aos chefes da F1 para que deixem para lá e “sigam em frente” com a polêmica envolvendo Sebastian Vettel no GP do Azerbaijão.

A FIA anunciou, na última quarta-feira, que irá investigar o toque entre Vettel e Lewis Hamilton em Baku para definir se acrescentarão novas punições ao piloto alemão.

A entidade ainda tem dúvidas se a punição de stop and go foi dura o suficiente, especialmente pelo fato de Vettel ter conseguido terminar a corrida à frente de Hamilton e estender a liderança do campeonato. 

Contudo, Button acredita que não é necessário investigar o caso mais a fundo. Em publicações feitas no Twitter, o inglês afirmou que a manobra de Vettel foi “boba”, mas que, tendo já sido punido em Baku, a F1 deveria “seguir em frente”.

“O GP do Azerbaijão foi um prazer de assistir. Por quê? Porque a adrenalina e emoção estavam em alta. O que Vettel fez foi bobo, mas ele já foi punido. É hora de seguir em frente”, disse Button.

“Se um piloto força outro para fora da pista em velocidade normal de corrida, ele receberia uma punição menor do que o stop and go”, continuou.

A FIA irá anunciar o resultado de sua investigação antes do GP da Áustria, que acontece no outro fim de semana. 

compartilhar
comentários
Force India confirma Celis em dois treinos livres na F1
Artigo anterior

Force India confirma Celis em dois treinos livres na F1

Próximo artigo

Galeria: países que voltaram às manchetes na Fórmula 1

Galeria: países que voltaram às manchetes na Fórmula 1
Carregar comentários