Fórmula 1
25 mar
Próximo evento em
62 dias
06 mai
Próximo evento em
104 dias
20 mai
Próximo evento em
118 dias
R
GP do Azerbaijão
03 jun
Próximo evento em
132 dias
10 jun
Próximo evento em
139 dias
24 jun
Próximo evento em
153 dias
R
GP da Áustria
01 jul
Próximo evento em
160 dias
R
GP da Grã-Bretanha
15 jul
Próximo evento em
174 dias
29 jul
Próximo evento em
188 dias
R
GP da Bélgica
26 ago
Próximo evento em
216 dias
02 set
Próximo evento em
223 dias
09 set
Próximo evento em
230 dias
23 set
Próximo evento em
244 dias
R
GP de Singapura
30 set
Próximo evento em
251 dias
07 out
Próximo evento em
258 dias
21 out
Próximo evento em
272 dias
28 out
Próximo evento em
279 dias
05 nov
Próximo evento em
287 dias
R
GP da Austrália
18 nov
Próximo evento em
300 dias
R
GP da Arábia Saudita
03 dez
Próximo evento em
315 dias
R
GP de Abu Dhabi
12 dez
Próximo evento em
324 dias

F1: Com futuro incerto, Vettel nega contratação de empresário

compartilhar
comentários
F1: Com futuro incerto, Vettel nega contratação de empresário
Por:
Co-autor: Christian Nimmervoll

Piloto alemão deixará a Ferrari no fim deste ano após seis temporadas com o time de Maranello

Sebastian Vettel não quer contratar um empresário, mesmo com as incertezas sobre seu futuro na Fórmula 1. Com a Ferrari decidindo não estender o contrato do piloto, o alemão está avaliando as opções de continuar na categoria ou fazer alguma outra coisa.

Suas opções na F1 são limitadas, mas ele está mais vinculado a uma mudança para a equipe Racing Point/Aston Martin no próximo ano, potencialmente como um substituto do mexicano Sergio Pérez.

Leia também:

Apesar da situação complicada, aliada a alguns momentos difíceis na Ferrari, o tetracampeão mundial diz que não tem intenção de contratar ninguém para ajudá-lo a traçar seu próximo movimento.

Vettel sempre escolheu cuidar de seus negócios e conta com o apoio de pessoas de confiança, como o consultor da Red Bull, Helmut Marko. Os assuntos de mídia de Vettel são gerenciados por Britta Roeske e ele aciona advogados para ajudar a finalizar papelada e contratos.

Questionado em entrevista para o ex-piloto Ralf Schumacher na Sky sobre se achava que agora era um bom momento para conseguir um empresário, Vettel disse: "Talvez ajude aqui e ali. [Mas] acho que este é o caminho que tenho sempre tomado".

"Algumas pessoas vêm e vão. Há muitas pessoas que dão tapinhas nas costas e, algumas semanas depois, as mesmas pessoas estão criticando você. Sempre fui... Não quero dizer sozinho, já que, é claro, você tem pessoas ao seu redor que o apoiam. Mas acho que mais importante do que talvez criar opinião pública é que você saiba em quais pessoas pode confiar e com quem você pode evoluir", seguiu.

"Acho que tenho um ambiente bom e forte lá, e ainda estou de bom humor e com a cabeça bem clara. Nunca fui tão dependente do que pode ser a percepção externa, do que as pessoas pensam e dizem. Graças a Deus nunca fui tão dependente disso. Não sigo tudo o que está escrito ou dito”, completou Vettel, que conquistou seus quatro títulos mundiais pela Red Bull entre 2010 e 2013.

Button compara ‘aniquilador’ Verstappen a Senna e Schumacher: “Adoraria vê-lo enfrentar Hamilton”

PODCAST: O que resta para Massa no automobilismo após sair se sua equipe na F-E?

 

.

Button: Verstappen aniquila companheiros como faziam Schumi e Senna na F1

Artigo anterior

Button: Verstappen aniquila companheiros como faziam Schumi e Senna na F1

Próximo artigo

F1: Há 29 anos, Schumi estreava, Piquet fazia último pódio e Senna vencia

F1: Há 29 anos, Schumi estreava, Piquet fazia último pódio e Senna vencia
Carregar comentários

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1
Pilotos Sebastian Vettel
Autor Jonathan Noble