F1: De Vries se sente "privilegiado" por ser especulado em vaga na Williams em 2022

Atual líder da F-E, holandês diz que gosta de correr com a Mercedes na categoria, o que lhe permite também fazer provas de endurance

F1: De Vries se sente "privilegiado" por ser especulado em vaga na Williams em 2022

Se a ida de George Russell à Mercedes na Fórmula 1 em 2022, as especulações sobre seu possível substituto estão mais quentes do que nunca. Na lista, há nomes dos mais diferentes tipos, como Valtteri Bottas, Nico Hulkenberg e até mesmo a dupla da Mercedes na Fórmula E, Stoffel Vandoorne e Nyck de Vries, que falou sobre os rumores.

Toto Wolff, chefe da Mercedes, alimentou os boatos quando elogiou o desempenho de Vandoorne e de Vries na F-E: "Ambos têm talento, ética de trabalho e inteligência para estar na F1. Ambos ganharam a categoria de acesso mais importante".

Leia também:

"Com a McLaren, Stoffel se viu em uma situação difícil de lidar. Os dois merecem estar na F1 e realmente espero que tenham uma chance. Estou muito feliz por tê-los como pilotos na F-E, mas não ficaria no caminho de um piloto se ele tivesse a chance de ir para a F1".

Se Vandoorne chegou a correr na F1, De Vries não teve a mesma sorte, saindo da F2 direto para a F-E, disputando ainda corridas de endurance e trabalhando como piloto de testes da Toyota no WEC. No momento, o holandês diz que prefere focar nos compromissos atuais.

"Sim, eu li o que saiu na mídia", disse De Vries ao Motorsport.com sobre a ligação com a Williams. "Obviamente me sinto muito privilegiado e honrado por ver as pessoas falando sobre mim e me associando com a Williams e, claro, sou grato pelo que Toto disse".

"Mas, ao mesmo tempo, estou realmente feliz onde estou. Estou correndo com a Mercedes, podemos lutar por títulos e ainda corro de endurance. Acho que tenho um futuro brilhante pela frente nesta área também. Na verdade, gosto muito de ambos".

Nyck de Vries, Mercedes Benz EQ, EQ Silver Arrow 02

"Estou me concentrando nisso e vencer a F-E seria excepcional para mim. Essa é a prioridade. Isso mudará alguma coisa no meu futuro? Não sei. Mas, no final das contas, no esporte você precisa ter um bom desempenho e resultados. Vencer a F-E pode abrir portas e oportunidades para o futuro".

Sobre a possibilidade de De Vries ter falado com Wolff sobre isso: "Tenho uma semana importante pela frente com as corridas. Depois, vou para Le Mans. A Mercedes está de férias [na F1] e temos trabalho pela frente".

"Então estou me concentrando nisso. Veremos como será o futuro. De qualquer forma, na vida há poucas garantias, especialmente no mundo em que vivemos".

O próximo passo de De Vries é a etapa de Berlim da Fórmula E, que concluirá a temporada 2021. Com 18 pontos matematicamente vivos na luta pelo título, o holandês chega em boas condições, na liderança com 95 pontos, com 58 ainda em jogo. Mas sua vida não será fácil, caindo no temido primeiro grupo da classificação para o sábado.

"Primeiro, temos que fazer um bom trabalho como equipe; temos um pacote competitivo, tenho que fazer o meu na pista. Precisamos ser capazes de controlar o que é possível controlar: nosso trabalho e performance".

"Vamos precisar um pouco de... não sorte, mas condições constantes. Se tivermos consistência na classificação, fizermos nosso trabalho e sermos competitivos, acho que temos uma boa chance".

"Se tivermos um pouco de azar e a pista mudar entre o primeiro grupo e os demais, então talvez seria melhor estar no segundo grupo".

EXCLUSIVO: BURTI rompe silêncio sobre F1: Hamilton é MAIS LIMPO que campeões como SENNA e SCHUMACHER

Assine o canal do Motorsport.com no Youtube

Os melhores vídeos sobre esporte a motor estão no canal do Motorsport.com. Inscreva-se já, dê o like (joinha) nos vídeos e ative as notificações, para sempre ficar por dentro de tudo o que rola em duas ou quatro rodas.

Podcast – A primeira metade do campeonato da F1 foi a mais incrível dos últimos anos?

 

SIGA NOSSO PODCAST GRATUITAMENTE:

compartilhar
comentários
EXCLUSIVO: Burti rompe silêncio sobre F1: Hamilton é mais limpo que campeões como Senna e Schumacher
Artigo anterior

EXCLUSIVO: Burti rompe silêncio sobre F1: Hamilton é mais limpo que campeões como Senna e Schumacher

Próximo artigo

ANÁLISE: As "pequenas" efetivas atualizações do duto de freio da Red Bull

ANÁLISE: As "pequenas" efetivas atualizações do duto de freio da Red Bull
Carregar comentários