MotoGP
21 ago
Evento encerrado
R
GP da Grã-Bretanha
27 ago
Canceled
15 out
Evento encerrado
16 out
Evento encerrado
R
GP da Austrália
23 out
Canceled
R
GP de Teruel
23 out
Próximo evento em
3 dias
R
GP da Malásia
29 out
Canceled
R
GP da Europa
06 nov
Próximo evento em
17 dias
R
GP de Valência
13 nov
Próximo evento em
24 dias
R
GP de Portugal
20 nov
Próximo evento em
31 dias

MotoGP: Yamaha confirma que Rossi não terá substituto no GP de Teruel, encerrando chance de volta de Lorenzo

compartilhar
comentários
MotoGP: Yamaha confirma que Rossi não terá substituto no GP de Teruel, encerrando chance de volta de Lorenzo
Por:

Montadora japonesa afirmou que não quer colocar a pressão extra em uma equipe que está desfalcada

Após o anúncio de que havia testado positivo para Covid-19, Valentino Rossi foi descartado do GP de Aragón da MotoGP, enquanto sua participação na etapa seguinte, a de Teruel, era vista como improvável. Isso levantou rumores de um possível retorno de Jorge Lorenzo ao grid, mas a Yamaha confirmou que vai seguir o mesmo protocolo deste fim de semana e não terá substituto para o italiano na próxima corrida.

Rossi confirmou que teve alguns sintomas de Covid-19, mas brincou falando que o vírus tem um "bom olho" por ter infectado nomes como ele, Cristiano Ronaldo e Zlatan Ibrahimovic.

Leia também:

Devido às normas do governo italiano sobre o coronavírus, qualquer pessoa que testa positivo precisa seguir uma quarentena de dez dias a partir do momento que recebe o diagnóstico.

Com a segunda prova em Aragón, o GP de Teruel, a apenas cinco dias de distância, Rossi não estará de volta a ação antes do GP da Europa, a primeira corrida no Circuito Ricardo Tormo em Valência.

A falta de Rossi aumentaram as especulações sobre a volta do tricampeão aposentado Jorge Lorenzo no próximo final de semana, já que ele é piloto de testes da Yamaha atualmente.

Porém, Lorenzo completou apenas quatro dias de testes com a M1 neste ano, dois em Sepang em fevereiro e na semana passada, no teste de familiarização com Portimão. E todas suas saídas foram feitas com a moto de 2019 da Yamaha e sua melhor volta no Algarve sendo quatro segundos mais lenta que a Aprilia de Aleix Espargaró.

As regras da MotoGP sobre substitutos determinam: "As equipes precisam fazer esforços razoáveis para fornecer um piloto substituto qualificado para a corrida em até 10 dias após a saída e antes do evento".

Como esse período de 10 já passou, a Yamaha não é obrigada a encontrar um substituto, mas também pode argumentar que não tem um piloto qualificado para preencher a vaga.

A Yamaha também explicou que sua decisão foi motivada por um desejo de não colocar pressão extra em seu já reduzido número de funcionários por evento como resultado dos protocolos anti Covid-19 da MotoGP.

Como resultado, Maverick Viñales, que larga em segundo no GP de Aragón, será o único representante da equipe oficial da Yamaha no próximo fim de semana.

O diagnóstico de Rossi vem uma semana após seis membros do staff técnico da Yamaha, incluindo o líder de projetos Takahiro Sumi,sendo colocados em quarentena antes do GP da França porque um deles testou positivo.

O piloto da Moto3, Tony Arbolino, foi forçado a perder a etapa deste fim de semana apesar de testar negativo porque sentou próximo de alguém que estava infectado no avião. Arbolino e Rossi seguem o piloto da Moto2 Jorge Martín que perdeu as corridas de Misano após testar positivo.

Nova parceria com ThePlayer.com, a melhor opção para apostas e diversão no Brasil

Registre-se gratuitamente no ThePlayer.com e acompanhe tudo sobre Fórmula 1 e outros esportes! Você confere o melhor conteúdo sobre o mundo das apostas e fica por dentro das dicas que vão te render muita diversão e também promoções exclusivas. Venha com a gente!

VÍDEO: As 5 maiores tretas entre campeões da F1

PODCAST: Recordes de Hamilton e Schumacher são comparáveis?

 

MotoGP: Álex questiona se Marc Márquez volta a correr em 2020

Artigo anterior

MotoGP: Álex questiona se Marc Márquez volta a correr em 2020

Próximo artigo

MotoGP: Rins segura Márquez e vence movimentado GP de Aragón; Mir sai como novo líder do Mundial

MotoGP: Rins segura Márquez e vence movimentado GP de Aragón; Mir sai como novo líder do Mundial
Carregar comentários

Sobre esta matéria

Categoria MotoGP
Pilotos Valentino Rossi
Equipes Movistar Yamaha MotoGP
Autor Lewis Duncan