Ricciardo, Schumacher e cia: veja sete pilotos que estão na 'berlinda' pensando na F1 2023

De veteranos a novatos, há pelo menos sete competidores que podem ter sua carreira na elite do automobilismo mundial abreviada, como mostra o Motorsport.com

Ricciardo, Schumacher e cia: veja sete pilotos que estão na 'berlinda' pensando na F1 2023
Carregar reprodutor de áudio

Em meio à má fase na Fórmula 1 em 2022, Daniel Ricciardo tem sua saída especulada da McLaren após a atual temporada. O australiano, porém, não é o único piloto que está na 'berlinda' pensando no próximo campeonato da categoria.

O editor recomenda:

De veteranos a novatos, há pelo menos sete competidores que podem ter sua carreira na elite do automobilismo mundial abreviada. Nos tópicos abaixo, o Motorsport.com explica a situação de cada um e detalha os desafios por eles enfrentados.

1. Daniel Ricciardo

Daniel Ricciardo, McLaren

Daniel Ricciardo, McLaren

Photo by: Carl Bingham / Motorsport Images

Contratado pela McLaren como grande nome da equipe a partir do ano passado, o australiano não se adaptou bem em 2021, apesar da vitória no GP da Itália, e segue amplamente batido pelo companheiro britânico Lando Norris. Apesar disso, Ricciardo confia que seguirá no time de Woking em 2023. Entretanto, o chefão da marca, Zak Brown, já alertou que há dispositivos contratuais que permitem a dispensa do piloto no fim de 2022. E interessados no assento é que não faltam...

2. Mick Schumacher

Mick Schumacher, Haas F1 Team, on the grid

Mick Schumacher, Haas F1 Team, on the grid

Photo by: Andy Hone / Motorsport Images

Filho de Michael Schumacher, heptacampeão da F1, o jovem germânico chegou à categoria com altas expectativas, mas sua temporada de estreia em 2021 não foi muito representativa, tanto pela fraqueza da Haas quanto pela incompetência de seu ex-companheiro, o russo Nikita Mazepin. Agora com um carro competitivo e ao lado do dinamarquês Kevin Magnussen, Mick tem sido amplamente batido e, para piorar, bate seu bólido com frequência, gerando gastos extras. É bom abrir o olho...

3. Sebastian Vettel

Sebastian Vettel, Aston Martin

Sebastian Vettel, Aston Martin

Photo by: Carl Bingham / Motorsport Images

'Referência' de Mick no grid, o tetracampeão não vive seus melhores dias já há algum tempo. Além disso, o carro da Aston Martin não está colaborando. O que acende o maior sinal de alerta para os fãs do alemão, porém, são as recorrentes demonstrações de falta de interesse em seguir na F1 por parte do piloto. Para piorar, Vettel já tem potenciais sucessores especulados em seu assento no time comandado por Lawrence Stroll. O principal deles, inclusive, pode ir para a Aston por sobrevivência...

4. Fernando Alonso

Fernando Alonso, Alpine

Fernando Alonso, Alpine

Photo by: Mark Sutton / Motorsport Images

Trata-se justamente do espanhol, rival de Vettel em 2010 e 2012. Alonso segue em alto nível de pilotagem após seu retorno à F1 pela Alpine em 2021, mas seu já tradicional azar e um forte concorrente interno podem fazer com que o bicampeão deixe o time francês. Afinal, a cúpula da Renault busca dar mais espaço para o australiano Oscar Piastri, reserva da escuderia azul. Com isso, Fernando pode acabar na Aston ou até se aposentar definitivamente da F1. Ou ficar na Alpine...

5. Nicholas Latifi

Nicholas Latifi, Williams

Nicholas Latifi, Williams

Photo by: Erik Junius

Outro que vem sendo assombrado por Piastri é o piloto da Williams. No time de Grove desde 2020, o canadense está mal em 2022, o que também é evidenciado pelas boas corridas feitas pelo seu novo companheiro, o anglo-tailandês Alex Albon. Latifi tem dinheiro a seu favor, mas Piastri é outro que tem boas cifras a oferecer para a Williams, caso a Alpine opte por manter Alonso e emprestar o australiano para a equipe britânica. Além disso, o holandês Nyck de Vries está no páreo...

6. Zhou Guanyu

Guanyu Zhou, Alfa Romeo F1 Team

Guanyu Zhou, Alfa Romeo F1 Team

Photo by: Alfa Romeo

Após boa performance em sua estreia pela Alfa Romeo no GP do Bahrein, o chinês decaiu em termos de desempenho. Além disso, seu companheiro finlandês Valtteri Bottas vem brilhando com a escuderia ítalo-suíça, de modo que a pressão sobre Zhou cresce. Outro ponto que gera preocupação no staff do novato é a sempre possível interferência da Ferrari, fornecedora de motores da Alfa, no segundo assento de sua cliente. Em tese, a influência de Maranello diminuiu, mas nunca se sabe...

7. Yuki Tsunoda

Yuki Tsunoda, Scuderia AlphaTauri

Yuki Tsunoda, Scuderia AlphaTauri

Photo by: Zak Mauger / Motorsport Images

Ofuscado pelo companheiro francês Pierre Gasly em sua temporada de estreia pela AlphaTauri no ano passado, o japonês começou 2022 sob pressão, mas reagiu na batalha interna da equipe italiana. Contra ele, porém, pesa o fato de que a Honda perdeu influência na definição do segundo assento do 'time B' da Red Bull, por causa do distanciamento da montadora nipônica em relação à F1. A associação da marca com o grupo austríaco, porém, ainda existe. Agora, tudo depende de Tsunoda...

Assine o canal do Motorsport.com no YouTube

Os melhores vídeos sobre esporte a motor estão no canal do Motorsport.com. Inscreva-se já, dê o like ('joinha') nos vídeos e ative as notificações para ficar por dentro de tudo o que rola em duas ou quatro rodas.

Podcast #180 – ‘Autossabotagem’ da Ferrari pode fazê-la perder título da F1 em 2022?

 

ACOMPANHE NOSSO PODCAST GRATUITAMENTE:

compartilhar
comentários
F1 - Alonso segue com dores do acidente sofrido na Austrália: "Só descansar resolveria"
Artigo anterior

F1 - Alonso segue com dores do acidente sofrido na Austrália: "Só descansar resolveria"

Próximo artigo

F1 - Wolff defende que Hamilton só precisa de sorte: "Está no mesmo nível de Russell"

F1 - Wolff defende que Hamilton só precisa de sorte: "Está no mesmo nível de Russell"