MotoGP: Yamaha confirma saída de Viñales no fim de 2021

Momento ruim no relacionamento entre piloto e montadora levou ao rompimento do contrato um ano antes de seu fim

MotoGP: Yamaha confirma saída de Viñales no fim de 2021

A Yamaha confirmou na manhã desta segunda-feira (28) que esta será a última temporada de Maverick Viñales com a montadora japonesa na MotoGP, com ambas as partes encerrando o contrato um ano mais cedo que o previsto.

Motrosport.com noticiou no domingo que Viñales considerava sair da Yamaha no fim da temporada para assumir uma vaga na Aprilia em 2022, já que o relacionamento entre piloto e montadora havia atingido um momento ruim.

Leia também:

Viñales foi contratado pela Yamaha em 2017 para substituir Jorge Lorenzo, que ia para a Yamaha. O espanhol venceu três das cinco primeiras corridas com a M1. Mas, desde então, sua forma com a Yamaha tem sido inconsistente e a própria moto também teve seus altos e baixos.

Após vencer o GP do Catar, etapa de abertura da temporada 2021, Viñales não conquistou mais nenhum pódio até o GP da Holanda do último domingo, enquanto seu companheiro de equipe, Fabio Quartararo, possui quatro vitórias e uma vantagem de 34 pontos no Mundial.

A Yamaha tentou barrar a queda de rendimento de Viñales ao trocar seu chefe de equipe, Esteban García, por Silvano Galbusera, ex-aliado de Rossi, a partir do GP da Catalunha, mas isso serviu apenas para escalar a tensão entre as partes, já que García era um amigo próximo do piloto.

Sofrendo seu pior final de semana na MotoGP durante o GP da Alemanha, classificando-se em 21º e terminando em último, Viñales detonou as respostas da Yamaha aos seus problemas em 2021 e em anos recentes, afirmando que a montadora o desrespeitava.

Viñales negou as ligações com a Aprilia após a etapa de Assen, mas confirmou que sair da Yamaha era uma opção para ele.

Na segunda de manhã, após um final de semana em Assen onde ele foi pole e segundo na corrida, a Yamaha confirmou que ambas as partes haviam acordado pelo fim do contrato em 2021, após um pedido de Viñales.

Lin Jarvis, chefe da Yamaha, expressou tristeza pela decisão, mas jurou que a Yamaha dará total apoio a Viñales pelo resto de 2021.

"É com tristeza que confirmo que diremos adeus a Maverick no fim do ano. Estamos no meio de nossa quinta temporada juntos e, ao longo dos anos, conquistamos muitos pontos altos, mas também tivemos que lidar com vários baixos".

"Após o GP da Alemanha, que foi o final de semana mais difícil de nossa parceria, tivemos discussões importantes em Assen e chegamos à conclusão de que seria do melhor interesse de ambas as partes seguirmos caminhos diferentes no futuro".

"A Yamaha seguirá colocando seus melhores esforços, como sempre fizemos, para dar apoio total a Maverick, finalizando a temporada do melhor modo possível".

Viñales disse: "A parceria é muito significativa para mim nestes últimos cinco anos, e se provou uma decisão muito difícil a separação. Nesses anos juntos, vivenciamos tanto grandes conquistas quanto momentos difíceis".

"Porém, a sensação que fica é de apreciação e respeito mútuo. Estou totalmente comprometido e darei meu melhor para obter bons resultados até o fim da temporada".

No domingo, a Aprilia negou que havia negociado com Viñales, mas que estava aberta à ideia de ter o espanhol na equipe em 2022.

Com as chances de uma aposentadoria de Valentino Rossi maiores do que nunca, a Yamaha pode ter até duas motos livres para 2022. Uma na equipe oficial, ao lado de Fabio Quartararo e uma na Petronas SRT.

A manobra lógica para a montadora seria promover o vice-campeão de 2020, Franco Morbidelli à equipe oficial, reeditando a parceria com Quartararo que durou duas temporadas na Petronas.

Morbidelli, que se recupera de uma cirurgia no joelho feita no joelho na semana passada, tem contrato com a Petronas para 2022, mas seu acordo deve contar com uma cláusula caso receba uma oferta da montadora.

F1 AO VIVO: Verstappen DOMINA o GP DA ESTÍRIA, com Hamilton em um DISTANTE segundo | PÓDIO

Assine o canal do Motorsport.com no Youtube

Os melhores vídeos sobre esporte a motor estão no canal do Motorsport.com. Inscreva-se já, dê o like (joinha) nos vídeos e ative as notificações, para sempre ficar por dentro de tudo o que rola em duas ou quatro rodas.

PODCAST: Sequência de corridas até férias da F1 será chave para campeonato?

 

compartilhar
comentários
MotoGP: Viñales nega que ida à Aprilia já esteja acertada
Artigo anterior

MotoGP: Viñales nega que ida à Aprilia já esteja acertada

Próximo artigo

MotoGP: Márquez se diz "impressionado" com sétimo lugar após largar em 20º na Holanda

MotoGP: Márquez se diz "impressionado" com sétimo lugar após largar em 20º na Holanda
Carregar comentários