F1 - Pérez quer ser campeão em 2024: "Já terminei em segundo..."

"Temos que usar esta intertemporada para tentar começar bem o campeonato e conseguir manter esse nível de consistência durante todo o ano"; confira

Sergio Perez, Red Bull Racing

Sergio Perez, Red Bull Racing

Erik Junius

Após garantir o vice-campeonato da Fórmula 1 2023 no último fim de semana, quando se disputou o GP de Las Vegas, o mexicano Sergio Pérez, da Red Bull, foi questionado nesta quinta-feira, dia de mídia do GP de Abu Dhabi, sobre suas pretensões para 2024.

Companheiro do atual tricampeão mundial Max Verstappen, 'Checo' teve sua permanência na Red Bull questionada nos últimos meses, em função de um pobre desempenho frente ao rival holandês, mas conseguiu se sagrar vice de 2023 na penúltima etapa do ano, conseguindo um 'respiro' na F1.

O editor recomenda:

No dia de entrevistas de Abu Dhabi, que encerra a temporada da categoria máxima do automobilismo, Pérez falou sobre suas pretensões para o próximo campeonato, no qual se encerra o contrato do latino-americano com a equipe anglo-austríaca.

"Meu principal interesse é fazer melhor e estou ciente do desafio", afirmou. Questionado sobre uma possível briga pelo título, Sergio respondeu: "Esse é o meu principal objetivo, porque já terminei em segundo...", disse.

"Temos que usar esta intertemporada para tentar começar bem o campeonato e conseguir manter esse nível de consistência durante todo o ano", seguiu Checo, que chegou à 'RBR' em 2021, quando Verstappen bateu o britânico Lewis Hamilton, da Mercedes, na briga pelo título.

Sergio Pérez selló el subcampeonato el pasado domingo en Las Vegas.

Foto de: Mark Sutton / Motorsport Images

Sergio Pérez garantiu a vice-liderança do campeonato no último domingo em Las Vegas.

Em 2022, Pérez ficou em terceiro no campeonato, atrás de Verstappen e do vice-campeão Charles Leclerc, monegasco da Ferrari. Em 2023, finalmente veio o sonhado 1-2 da Red Bull em uma temporada, feito inédito para o time taurino, que nunca havia 'varrido' um campeonato.

"Acho que é um bom resultado para a equipe. Como eu sempre digo, só importa onde você termina em Abu Dhabi. Então, isso foi o principal, poder contribuir com a equipe dessa forma. Acho que é bom", afirmou Sergio, que também falou sobre seus momentos ruins em 2023.

"Também estou ciente, digamos, dos 'apagões', das quedas que tivemos. E acho que aprendemos com eles. Acho que isso é muito bom e muito importante. É a melhor maneira de olhar para frente. Acho que este ano nos fortaleceu como grupo , equipe. Então, tem sido bom", completou Pérez.

HAMILTON REBATE HORNER, mas RBR diz: PAI DE LEWIS procurou equipe por vaga; Drugo 'DE OLHO' em Logan

Quer fazer parte de um seleto grupo de amantes de corridas, associado ao maior grupo de comunicação de esporte a motor do mundo? CLIQUE AQUI e confira o Clube de Membros do Motorsport.com no YouTube. Nele, você terá acesso a materiais inéditos e exclusivos, lives especiais, além de preferência de leitura de comentários durante nossos programas. Não perca, assine já!

Podcast Motorsport.com debate se GP de Las Vegas de fato teve sucesso

 

ACOMPANHE NOSSO PODCAST GRATUITAMENTE:

Be part of Motorsport community

Join the conversation
Artigo anterior F1: O'Ward substitui Palou como reserva em meio a processo da McLaren contra Álex
Próximo artigo F1: Red Bull diz que pai de Hamilton procurou equipe em busca de uma vaga para o heptacampeão; entenda

Top Comments

Ainda não há comentários. Seja o primeiro a comentar.

Sign up for free

  • Get quick access to your favorite articles

  • Manage alerts on breaking news and favorite drivers

  • Make your voice heard with article commenting.

Motorsport prime

Discover premium content
Assinar

Edição

Brasil