Red Bull e Ricciardo divergem sobre estratégia em Abu Dhabi

compartilhar
comentários
Red Bull e Ricciardo divergem sobre estratégia em Abu Dhabi
Por:
Traduzido por: Gabriel Carvalho

Time austríaco diz que Daniel Ricciardo não poderia ter seguido estratégia de uma parada, feita por Max Verstappen no GP de Abu Dhabi; australiano analisa e crê que poderia ter feito o mesmo que companheiro de equipe

Daniel Ricciardo, Red Bull Racing RB12
Daniel Ricciardo, Red Bull Racing RB12
Daniel Ricciardo, Red Bull Racing RB12
Daniel Ricciardo, Red Bull Racing
Daniel Ricciardo, Red Bull Racing RB12
Daniel Ricciardo, Red Bull Racing RB12
Daniel Ricciardo, Red Bull Racing RB12
Daniel Ricciardo, Red Bull Racing RB12
Daniel Ricciardo, Red Bull Racing RB12 leads Kimi Raikkonen, Ferrari SF16-H
Daniel Ricciardo, Red Bull Racing RB12

Daniel Ricciardo terminou o GP de Abu Dhabi, realizado no último domingo (27), em quinto lugar. Diferentemente de Max Verstappen, que fez apenas uma parada, o australiano parou duas vezes nos boxes, mesmo tendo largado com os mesmos compostos supermacios utilizados pelo companheiro de equipe.

Ao explicar o que aconteceu, Christian Horner, chefe da Red Bull, revelou que uma combinação de fatores levou o time a fazer Ricciardo parar rapidamente. "Naquele momento, não acreditávamos que os supermacios fossem durar o quanto acabaram durando. Ricciardo travou as rodas na largada e deixou o pneu 'quadrado'. Além disso, estávamos de olho no ritmo de Vettel", disse.

"Não queríamos perder a posição para Vettel e não estava claro se Daniel poderia abrir vantagem. Parar uma vez não estava em nossos planos naquele momento, por isso chamamos Daniel para os pits. Queríamos ter a certeza de que não perderíamos a posição para Sebastian", afirmou.

Horner acrescentou ainda que a decisão por apenas uma parada para Verstappen foi motivada pelo ritmo imposto por Lewis Hamilton. Ao segurar Nico Rosberg, o britânico permitiu que o holandês não perdesse terreno.

"Parecia que Rosberg havia sido instruído a não ir a lugar algum. Com isso, a estratégia de uma parada se tornou possível. Com Lewis segurando Nico e Max fazendo 21 voltas com os supermacios - o que foi fantástico - uma parada acabou sendo nossa estratégia.

Já Ricciardo, após a prova, avaliou o cenário e pensou de forma diferente de Horner, acreditando que fazer apenas uma parada teria sido a melhor opção.

“Os supermacios funcionaram bem. Perdemos um pouco no início, mas conseguimos manter o ritmo. Então comecei a perceber que as Ferraris estavam começando a sofrer com os ultramacios. Vi que Vettel perdeu um pouco de ritmo atrás de mim e Kimi sofrendo logo à frente", disse.

“Olhando em perspectiva, deveríamos ter ficado mais tempo com os supermacios e feito apenas uma parada, funcionou muito melhor para Max. Se tivéssemos ficado à frente das Ferraris, faria sentido tentar segurar a posição", afirmou.

“No fim, ficamos perto de superá-los na estratégia, mas não funcionou. Sofremos muito ao ficar atrás deles e acabamos com os pneus. Tentei ultrapassá-los algumas vezes, mas não deu muito certo", completou.

VÍDEO: Rosberg solta voz em agradecimento

Artigo anterior

VÍDEO: Rosberg solta voz em agradecimento

Próximo artigo

Rebeldia de Hamilton pode fazer Mercedes repensar abordagem

Rebeldia de Hamilton pode fazer Mercedes repensar abordagem
Carregar comentários

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1
Evento GP de Abu Dhabi
Localização Yas Marina Circuit
Pilotos Daniel Ricciardo
Equipes Red Bull Racing
Autor Jonathan Noble