Fórmula 1
26 set
-
29 set
Evento encerrado
10 out
-
13 out
Evento encerrado
24 out
-
27 out
Evento encerrado
01 nov
-
03 nov
Evento encerrado
14 nov
-
17 nov
Evento encerrado
R
GP de Abu Dhabi
28 nov
-
01 dez
Próximo evento em
7 dias

Comissários não punem Hamilton após incidente com Verstappen no TL2

compartilhar
comentários
Comissários não punem Hamilton após incidente com Verstappen no TL2
Por:
21 de jun de 2019 16:37

Inglês escapou de punição pela forma como voltou à pista e atrapalhou piloto da Red Bull durante o segundo treino livre para o GP da França

Lewis Hamilton perdeu o controle de sua Mercedes, saindo da pista na curva 4, exatamente na metade do segundo treino livre para o GP da França nesta sexta-feira.

Quando voltou à pista, o inglês estava à frente de Max Verstappen, que foi incapaz de pegar a linha ideal na curva 5 e teve que recorrer à área de escape.

Leia também:

Ambos os pilotos foram convocados para ver os comissários para explicar suas ações, mas no final foi decidido que o incidente não justificava nenhuma ação.

Um comunicado emitido pela FIA diz: "Os pilotos concordaram que a situação não era particularmente perigosa e que não deram a Verstappen uma desvantagem duradoura nesta sessão de treinos.”

"Os dois pilotos concordaram que a visibilidade limitada e o ângulo do carro #44 dificultaram a visão de Hamilton.”

"Os comissários puderam observar pela câmera onboard que Hamilton olhou em seus espelhos pelo menos duas vezes antes de tentar voltar ao circuito."

A decisão de não tomar medidas contra Hamilton veio menos de uma hora depois que os comissários rejeitaram um pedido da Ferrari para que a FIA revisse a decisão de punir Sebastian Vettel no GP do Canadá por manobra similar.

Próximo artigo
Ex-piloto e comentarista ironiza Ferrari após ter depoimento usado em julgamento

Artigo anterior

Ex-piloto e comentarista ironiza Ferrari após ter depoimento usado em julgamento

Próximo artigo

Punição mantida a Vettel: Veja íntegra da decisão dos comissários

Punição mantida a Vettel: Veja íntegra da decisão dos comissários
Carregar comentários